Selo mais raro do mundo vendido em leilão por preço inferior ao esperado

Contrariando as expectativas mais otimistas, que previam um valor recorde de até US$ 20 milhões, o selo mais raro do mundo – One-Cent Magenta da Guiana Britânica -, foi arrematado em leilão no dia 8 de junho por US$ 8.307.000. Tinha sido adquirido em 2014 por Stuart Weitzman por US$ 9,5 milhões.
Esta foi uma das três peças milionárias de Weitzman vendidas neste leilão. Além dele, foi arrematada por US$ 4.860.000 uma quadra com a borda da folha e numeração da placa do Jenny invertido, o erro mais famoso da filatelia americana. Tinha pago por ela, também em 2014, US$ 5 milhões.
A terceira joia da sua coleção, a Double Eagle 1933 dos Estados Unidos, uma das treze existentes, Weitzman comprou em 2002 por US$ 7,5 milhões e vendeu neste leilão por US$ 18.872.250.
Weitzman usará o montante obtido neste leilão, pouco mais de US$ 32 milhões, para fins de caridade, por meio da fundação que leva o seu nome.

Categorias: Sem categoria | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: